Os Campos do Caos e atualizações do Machina



Com tantas novidades e situações acontecendo, você provavelmente deve ter acreditado que a gente iria levar o resto do mês “na banguela” e só apresentar alguma novidade em Março, não é?
Não, nós gostamos de oferecer mais.
 É com orgulho que o Studio Teia de Jogos apresenta seu segundo minigame: Os Campos do Caos!

Bombástico e divertido.


Unindo o caos e a imprevisibilidade do Quartz, da dupla Halaban/Zatz com a movimentação estratégica de jogos de videogame como bomberman e outros similares, os Campos do Caos te lavará ao Multiverso, onde todo o poder, magia e tecnologia de todas as dimensões interligadas dependem das pedras elementais, que despencam do limbo em campos devastados e ressequidos por explosões constantes: Os Campos dos Caos.

Quatro guildas lutam pela supremacia da distribuição deste bem tão raro, sendo que apenas aquela com mais elementos colhidos corretamente será recompensada com o direto de explorar os campos dos caos pelo próximo ciclo estelar, o que muda definitivamente a vida de todos os envolvidos.

As estrelas do nosso minigame são heróis variados, que vieram de mundos totalmente diferentes e tem apenas uma regra de ouro, que não pode ser desrespeitada: As Guildas do Multiverso proíbe qualquer tipo de combate dentro dos Campos do Caos, pois isto poderia destruir uma colheita inteira dos preciosos minerais.


Os escolhidos de cada guilda não podem entrar em combate direto, o que não os impede de tentar sabotar os adversários da forma mais “acidental" possível. Os elementos produzem combinações que emanam grande quantidade de poder, mas algumas delas, dependendo das conjunções das estrelas, ficam tão instáveis que explodem, causando danos consideráveis.

Como você já deve ter percebido, o objetivo é juntar as sequências corretas de elementos que cairão no tabuleiro usando um sistema de coordenadas simples, mas engenhoso, que fará com que os lances de dados e o elemento sorteado se tornem a combinação explosiva na mão do jogador, além, é claro, da possibilidade de atirar um elemento no seu adversário.

Ok, mas e o Machina?

A máquina continua girando

 


Não... a gente não deixou o Machina: simulacro de guerra de lado. Os trabalhos de ilustração seguem a todo o Vapor e nós temos, finalmente, novidades para mostrar.
Estes são estudos de como as cartas ficarão na versão final (ainda é possível ocorrerem algumas mudanças e sim, sabemos que existem erros no texto, elas vão passar por revisão ainda).


Poderíamos mostrar mais algumas coisas, mas queremos manter vocês ansiosos, inclusive a respeito da variação em fase de testes que dará um ar de mecânicas alemãs para o jogo.
Quer saber mais? Torne-se nosso padrinho aqui, saiba antes e interfira no nosso processo de criação!  

Com tantas novidades e situações acontecendo, você provavelmente deve ter acreditado que a gente iria levar o resto do mês “na banguela...

0 comentários: