Você nem sempre pode ter o que deseja...

01:15:00 , , , 0 Comentários

Para quem gosta de uma musica mais antiga, aquele clássico do Rolling Stones vira e mexe aparece nas ideias. “Você nem sempre pode ter o que deseja, mas às vezes você tem aquilo que precisa”. O Teia de Jogos tem momentos assim também.



No último Lab Jogos tivemos uma mesa de desenvolvedores muito interessante, menos movimentada do que a anterior, mas com certeza bem produtiva. Infelizmente, por problemas técnicos do meu celular (quem me conhece sabe o que eu passo com essa porcaria), infelizmente perdi o áudio. Como não havia Backup dessa vez, lamentavelmente perdemos a conversa.

Durante esse último Lab percebemos que a coisa pode ser melhor, que ela pode ser diferente, e que por isso mesmo vamos começar a pensar em outra solução. Deixar o Lab. mais para divulgações dos jogos do que conversas com os desenvolvedores, um momento para que os desenvolvedores possam demonstrar seus jogos e se divertir como todo o restante.
fazendo a média com o Madeira (eita jogo difícil)


Ainda não vamos adiantar nossos planos para o mês que vem, mas vamos pensar em alguma coisa e assim que tivermos algo, comentaremos.

Outra novidade que podemos comentar é que faremos nossa primeira participação em eventos fora de São Paulo. Representados pelo nosso amigo desenvolvedor e designer Jonatas Bermudes, faremos uma aparição no Dungeon Capixaba, onde além de se divertir com todos, ele vai falar mais do projeto, embora não seja certeza de que ele consiga levar material (junte pouca verba com prazo apertado dos correios e nos perdoem, para a próxima vez isso será resolvido).

Recebam o rapaz com carinho hein?


Inner geek is back!!

Como não podia deixar de ser, vamos falar de mais um jogo que estará disponível para download no blog hoje.
O Inner Geek já é velho conhecido de quem acompanha o blog há mais tempo, já que fizemos uma reportagem sobre ele aqui. Obviamente agora que estamos trazendo jogos de outros autores, é óbvio que não podia faltar o querido jogo de piadas internas para boardgamers, no melhor estilo Cards against humanity.
Por ser simples e divertido, e ter piadas que podem ser um pouco confusas para os novatos, ele se torna um excelente jogo para mesas com jogadores mais antigos, ou que já se sintam à vontade com autores e com as boas e velhas piadas sobre escolas de jogo e hábitos que os jogadores adquirem, como voltar jogadas e outras questões do tipo.

 Não percam tempo! Venham conhecer o Inner Geek aqui!

Para quem gosta de uma musica mais antiga, aquele clássico do Rolling Stones vira e mexe aparece nas ideias. “Você nem sempre pode ter o qu...

0 comentários: